Compartilhe

Dia das Crianças – Dê Presentes A Quem Anima a Sua Vida

Dia CriançasNo início da década de 1920, Galdino do Vale Filho, um deputado federal, sugeriu a criação do Dia das Crianças, a qual foi aprovada pelos deputados e oficializada em novembro de 1924, pelo então presidente do Brasil, Arthur Bernardes.

O evento só tomou força a partir dos anos 1960, quando a famosa fábrica de brinquedos Estrela, com o intuito de ampliar o número de vendas, fez uma promoção, juntamente com a empresa Johnson & Johnson, lançando a “Semana do Bebê Robusto”. Depois disso, outras empresas, com o mesmo objetivo, decidiram criar a Semana da Criança. Até que, por fim, definiram 12 de outubro como a data mais adequada para se comemorar o Dia das Crianças.

Uma das ocasiões mais importantes para o comércio, o Dia das Crianças é sinônimo de muitos brinquedos e diversão. As indústrias do ramo investem fortemente neste período, trazendo inúmeras novidades. Mas atenção: nem todo produto à venda é um bom brinquedo.

Ao comprar um artigo para o filho, os pais devem verificar se o item possui selo do INMETRO, se oferece riscos à criança, a quantidade de peças e instruções de montagem, a identificação do fabricante (CGC, endereço e o nome, claro) e a faixa etária indicada.

Outra recomendação importante é não comprar brinquedos por impulso. Pois, como dito, não é porque está na moda que é o mais adequado. Sendo assim, vale investir em brinquedos criativos, que estimulem a coordenação motora e o intelecto dos pequenos. Veja a seguir dicas de presentes criativos para o Dia das Crianças:

– DVDs: os do tipo musical e do tipo animação são as melhores opções. Há à venda excelentes títulos destinados ao público infantil, que incentivam os pequenos a cantar, brincar e refletir sobre determinados aspectos da vida. Aliás, a família pode se reunir para assistir com a criança, estreitando os laços familiares.

– Bicicletas: esse tipo de brinquedo permite que a criança se movimente, evitando o sedentarismo e que ela tenha mais contato com a natureza, dependendo da paisagem de onde fará os passeios.

– Brinquedos Educativos: o número de artigos desse tipo é muito grande, agradando crianças de diferentes faixas etárias. Alguns exemplos são os quebra-cabeças, os brinquedos musicais e os blocos para encaixe e montagem.

Além dos citados acima, vale investir em fantasias, fantoches, figuras de ação, instrumentos musicais, lousas e massas de modelar.

Compartilhe

Deixe aqui seu comentário ou sugestão

RECEBA DICAS POR E-MAIL